Mundial de Motovelocidade 2011 – Testes Sepang, dia 2 – A Honda segue reinando…

Dani versus Stoner, duelo de pequenos gigantes na Malásia…

O piloto da Repsol Honda foi o mais rápido desta quarta-feira na Malásia, à frente do companheiro de equipe Casey Stoner, 0.664s mais lento.  Ben Spies, da Yamaha foi o  terceiros, com o atual campeão  Jorge Lorenzo em sétimo e  Valentino Rossi na décima tercdeira posição.

 

Stoner tentou de tudo para superar Pedrosa… (crash.net)

 Completando 39 voltas  com a nova RC 212V, o espanhol Dani Pedrosa sobrou na turma, seu tempo de 2m,770 o colocou  bem longe do resto dos pilotos. O australiano Casey Stoner, da mesma  equipe,  definiu a sua melhor volta do dia no finalzinho, marcando  2m01 0,434 o que significa que apenas Pedrosa quebrou o muro dos 2m01 no teste de hoje. Tanto ele e Stoner andaram com suspensões dianteiras da safra 2010, enquanto o “terceiro piloto” da Repsol Honda, Andrea Dovizioso tentou novos garfos na sua moto.

Dovizioso: terceiro piloto?

O italiano ficou em quarto lugar na tabela de tempos, apenas quatro milésimos de segundo atrás do piloto da Yamaha Factory Racing, Ben Spies, cujo melhor tempo de 2m01, 0,508 colocou-o terceiro, a 0.738s do tempo de Pedrosa. O norte-americano confirmou  especificações diferentes entre suas duas motos M1, trabalhando também nas configurações do motor, enquanto continuava o processo de adaptação à sua nova equipe.

Spies, quatro voltas e um tombo, para desespero dos mecânicos… (Martin Birt)

A dupla da San Carlo Honda Gresini, Marco Simoncelli e Hiroshi Aoyama ajudou a colocar  cinco protótipos RC212V entre os seis primeiros, pois ambos terminaram a apenas  dois centésimos de segundo do tempo de Dovizioso. Simoncelli passou parte do dia trabalhando em opções de suspensão dianteira.

Lorenzo e Yamaha ainda aguardam novos patrocinadores…

O Campeão do Mundo Jorge Lorenzo fechou o dia em sétimo. O piloto da Yamaha testou um novo chassi M1 que ele espera agora ser modificado para o segundo teste de Sepang em três semanas, e seu tempo de 2m01,563 foi 0.793s acima do de Pedrosa.Lorenzo disse que o chassi é bom para tracionar mas oscila nas frenagens…

Bautista ataca! (Martin Birt)

Álvaro Bautista (Rizla Suzuki) e Colin Edwards (Monster Yamaha Tech 3) percorreram  o maior número e o menor número de voltas do dia, respectivamente. O piloto espanhol deu 63 voltas produziu um melhor tempo de 2m01,687,  enquanto Edwards, testou os novos pneus para a Bridgestone, rodou apenas 33 voltas e ficou a  pouco mais de três centésimos  do tempo de Bautista.  

Hayden e o resto da turma da Duc tem o mesmo problema, estabilidade em curva… (Martin Birt)

Héctor Barberá, Team Aspar, foi o melhor piloto da Ducati na décima posição, à frente do oficial de fábrica  Nicky Hayden,  11º a 1,609s de Pedrosa e de Randy de Puniet, da  Pramac Racing, 12º a 1,656s do espanhol. O francês teve um acidente na última hora do dia, na curva 9, mas felizmente  escapou ileso.

Rossi: problemas no paraíso… (Ducati Corse)

Como no primeiro dia, Valentino Rossi, que  lutava com o ombro, ficou com  o 13 º melhor tempo, 2m02,597, na 40ª de suas 42 voltas, o  que deixou o piloto da Ducati a constrangedores 1.827s do tempo de  Pedrosa.

Crutchlow na ponta? Cortando caminho não vale… (Martin Birt)

O estreante Cal Crutchlow , da Monster Yamaha Tech 3, que  também está cuidando de um problema no ombro teve a sorte de evitar agravar o problema quando o britânico  caiu na Curva 6  na última hora do dia. Crutchlow ficou em 15º, atrás do piloto de testes Akiyoshi, e marcou seu  melhor tempo de 2m03 0,032 antes do acidente ,  que ele atribuiu a uma superfície oleosa, devido ao forte calor da Malásia.

Visual do Box da Pramac, com Randy de Puniet ao fundo… (M. Birt)  

Duas Ducatis seguiram  a Tech 3 Yamaha;  Loris Capirossi da Pramac e Karel Abraham da Cardion AB Motoracing GP11, com a LCR Honda de Toni Elías ‘ a 3.256s do primeiro lugar, levando pau de um dos dois pilotos de testes da Yamaha, que aliás, não divulga os nomes dos seus dois “Corredores X”.

Visual da Ducati Pramac de RdP… (M. Birt)

Segundo Lúcio Cecchinello, Elias não tem confiança na frente da moto e não capta o comportamento da traseira nas frenagens, o que o deixou na penúltima posição, tremendo constrangimento para o campeão da Moto 2 e último vencedor de um Grande Prêmio da MotoGp em uma equipe privada (GP de Portugal 2006, com Honda Gresini).

Pos Piloto País Equipe Voltas Tempo
1 Dani Pedrosa SPA Repsol Honda 39 2:00.770
2 Casey Stoner AUS Repsol Honda 44 2:01.434
3 Ben Spies USA Yamaha Racing 60 2:01.508
4 Andrea Dovizioso ITA Repsol Honda 48 2:01.512
5 Marco Simoncelli ITA San Carlo Gresini Honda 42 2:01.522
6 Hiroshi Aoyama JAP San Carlo Gresini Honda 58 2:01.534
7 Jorge Lorenzo SPA Yamaha Racing 35 2:01.563
8 Alvaro Bautista SPA Rizla Suzuki 63 2:01.687
9 Colin Edwards USA Monster Tech 3 Yamaha 33 2:01.722
10 Hector Barbera SPA Aspar Ducati 45 2:02.093
11 Nicky Hayden USA Ducati 62 2:02.379
12 Randy de Puniet FRA Pramac Ducati 50 2:02.426
13 Valentino Rossi ITA Ducati 42 2:02.597
14 Buy acai online valign=”top”>Kosuke Akiyoshi JAP Honda Test Rider 47 2:02.619
15 Cal Crutchlow GBR Monster Tech 3 Yamaha 38 2:03.032
16 Loris Capirossi ITA Pramac Ducati 56 2:03.047
17 Karel Abraham CZE Cardion AB Motoracing Ducati 47 2:03.466
18 Yamaha Test Rider 2 JAP Yamaha Racing 51 2:03.910
19 Toni Elias SPA LCR Honda 58 2:04.026
20 Yamaha Test Rider 1 JAP Yamaha Racing 56 2:04.142

E para fechar, imagens de bastidores direto de Sepang…

Rossi e seus súditos: ma que sucede??? (M. Birt)

Ucio Salucci, o  inseparável escudeiro de Rossi, cortou o cabelo moicano. Em Mugello, deu azar… (M. Birt)

A m1 nº 1 do campeão Jorge Lorenzo… (M. Birt)

A Duc hospitalar de Karel Abraham também te dá asas! (M. Birt)

Maneiraaça a placa do samurai Aoyama, 2 tempos para sempre! (M. Birt)

Alongamento estilo esquiador de Álvaro Bautista… (MotoGP)

Martelo e manteiga até nos tênis do bipolar Jorge Lorenzo… (MotoGP)

Aoyama gosta de vento no rosto mesmo parado… (MotoGP)

The champ e seu novo amigo, o bonezinho Rockstar… (M. Birt)

Karel Abraham à espera de um milagre… (MotoGP)

Barberá: Clomid Online sou mesmo  a 1ª Ducati? (MotoGP)

Spies treina até no Box… (M. Birt)

O protótipo de Akiyoshi deu pau em Rossi, de novo… (M. Birt)

…mas ficou atrás da Duc 8 de Barberá… (M. Birt)

A secretíssima Yamaha negra do Corredor X… (M. Birt)

É hora do almoço para a turma da Ducati…

Enquanto isso, o  macacão de Rossi transmite dados para a turma da Dainese… (MotoGP)

E depois vai pegar um bronze no sol malaio… (MotoGP)

Amanhã tem mais, fiquem ligados no último dia de testes na Malásia aqui no Mundomoto!

Mundial de motovelocidade 2011, atração exclusiva do SporTV, o canal campeão!

Comentários

7 Respostas para “Mundial de Motovelocidade 2011 – Testes Sepang, dia 2 – A Honda segue reinando…”
  1. Fausto Macieira disse:

    Valeu Claudônio, grato pelas visitas e participações, irmão.
    Super temporada pra todos nós!

  2. Claudonio Beserra de Figueredo disse:

    Show de bola tua reportagem, ainda bem q temos alguem que realmente passa tudo para nos.

    Abraço.
    Claudônio

  3. Fausto simplesmente nota 10! A tua matéria está muita boa, confesso que praticamente todas as vezes que acesso a net tenho que visitar o teu site, ( já tornou-se um doce vício). Esse protótipo do corredor X da Yamaha e a Honda do Akiyoshi sem as cores dos patrocinadores ficaram lindas.

    Um forte abraço!
    Claudônio

  4. Paulinho disse:

    Continuando a seara de Rossi…..que todos sabem que o cara é bom isso é. Acontece que a pilotagem dele é cheia de finesse, possível na Honda e na Yamaha. Já a Ducati, requer uma pilotagem mais radical. Lembro até hoje de uma foto do Alexandre Barros mostrando os calos by Ducati. Mas o Rossi é um senhor acertador de motos, e acredito que ele e o JB, tentarão transformar a Ducati numa miss.
    Daí o show será incrível. Agora, que eu ainda acho que o ano será do Stoner…
    Abração.
    Paulinho.

  5. Alexandre disse:

    Matéria legal. Valeu Fausto!
    Abraços

  6. Anderson Sartori disse:

    Muito obrigado Fausto pela excelente cobertura e por nos colocar de tudo que rola na Moto GP.
    Muito irado os corredores X da Yamaha!
    Pelo jeito a Honda vai incomodar bastante mesmo este ano. Uma surpresa, para mim ao menos neste teste, é a solitária Suzuki na 8ª posição! Vamos acompanhando para ver como terminarão estes testes…

  7. Carlos Eduardo Bonis disse:

    Essa imagem do macacão é ótima!!! Parece até piada …. mas não é. Até ele tem informações a prestar. Ainda é só o começo do campeonato, os primeiros testes, mas somando estes dados da Malásia, com os testes de Valência do final do ano passado, temos fortes indícios que a Yamaha e a Honda vão se destacar na frente, com seus 5 pilotos. As Ducatis, por hora, não mostraram força, e duvido que todos seus pilotos (oficiais e satélites) estejam “escondendo o jogo”. Será que só o Stoner sabia fazer a Ducati andar??

Falae, rapá

Solte o verbo, mas sem pesar a mão...
e se quiser incluir um avatar para seus comentários, crie o seu gravatar!